Mineradoras vão investir R$ 56 bilhões no Brasil em 4 anos

O Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM) está prestes a realizar, em Belo Horizonte (MG), a 12ª edição do Congresso Brasileiro de Mineração e a EXPOSIBRAM 2007 – Exposição Internacional de Mineração. Os eventos bianuais são os mais importantes do setor na América do Sul e vão acontecer no Expominas, de 24 a 27 de setembro. Para participar é preciso apresentar convite ou efetuar inscrição, ambos por meio do site do IBRAM (www.ibram.org.br) ou pelo fone (31) 3444-4794. 

A procura por estandes surpreendeu os organizadores: pelo menos 70 fornecedoras da indústria da mineração aguardam na fila de espera eventuais desistências de expositores. Há vagas ainda para participação no 12º Congresso Brasileiro de Mineração.

Essa grande procura se deve ao fato de a mineração atravessar um de seus ciclos de prosperidade em termos mundial, tanto na demanda quanto na produção. A atividade bate recordes e tem ampliado sobremaneira sua participação no bom desempenho econômico-social do Brasil, já que gera cada vez mais divisas e fornece os minérios necessários ao crescimento da produção industrial (e de outros setores) de uma forma geral, beneficiando toda a sociedade (quadro).

Números do Setor Mineral Brasileiro:

- R$ 56 bilhões em investimentos na indústria mineral entre 2007 e 2011;

- Produção mineral em 2006 foi de R$ 36 bilhões;

- Principais minérios, posição do Brasil no ranking de produção e o % em relação à produção mundial: nióbio: 1º (95,2%); ferro: 2º (18,8%); manganês: 2º (39%); tantalita:2º (13,4%); alumínio(bauxita): 2º (14,44%); crisotila: 3º (10,3%); magnesita: 3º(8%); grafita: 3º (7,12%); vermiculita: 4º (4,85%); caulim: 5º (5,48%); estanho: 5º (4,73%); e rochas ornamentais: 6º (5,6%);

- Os líderes em produção mineral brasileira são os estados de MG (44,05%); PA (21,9%); GO (7,61%); SP (6,59%); BA (3,21%) e outros (16,6%); - US$ 350 milhões é o total de recursos que serão aplicados em pesquisa mineral no Brasil em 2007;

- o % da Indústria Extrativa Mineral no PIB foi de 2,57% em 2000, 4,89%, em 2005, e 5,95% em 2006.

Ambos os eventos vão reunir mineradores, fornecedores, clientes, prestadores de serviços diversos, especialistas em mineração, acadêmicos, executivos e autoridades governamentais de muitos países se farão presentes nos quatro dias em um ambiente adequado para debater os novos rumos do setor, bem como estabelecer alianças estratégicas e comerciais, aproveitando o boom mineral. Além de 277 estandes reservados para brasileiros, haverá outros 85 para representações estrangeiras: EUA, Canadá, Austrália, Alemanha, Chile, África do Sul, China, Espanha, Finlândia e Polônia.

Contatos: Profissionais do Texto Assessoria de Imprensa: fone: 61 3327-0050
IBRAM 61 3248-0155
emails: sergio@ptexto.com.br; carolina@ptexto.com.br; ptexto@gmail.com

Fonte: IBRAM