Investimento em mineração

A Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (Sdect) participará das audiências públicas que serão efetivadas em novembro para discutir projetos de investimentos em mineração. Para o secretário Fábio Branco, os recursos minerais existentes na região compreendida pelo bioma Pampa, são expressivos e representam um patrimônio econômico significativo. Assinalou que além da mineração, a gaseificação do carvão é uma das prioridades do Estado.

O projeto Caçapava do Sul, que será desenvolvido pela Votorantim Metais Holding através de uma joint venture com Mineração Iamgold Brasil, prevê investimentos de R$ 371 milhões para a produção de chumbo, zinco, cobre e prata em minas do Camaquã. O projeto está na etapa de Licenciamento Prévio (LP) junto à Fundação Estadual de Proteção Ambiental Henrique Luís Roessler (FEPAM). As audiências públicas estão agendadas para ocorrer na terça-feira (22/11) em Santana da Boa Vista, na quarta-feira (23/11) em Bagé e na quinta-feira (24/11) em Pinheiro Machado.

O titular a SDECT designou o secretário executivo do Núcleo RS, José Rosa de Oliveira, para acompanhar as audiências públicas.  O Núcleo Fronteira do Rio Grande do Sul – Núcleo/RS da SDECT tem como objetivo o fortalecimento institucional diretamente relacionado à sustentabilidade das ações na faixa de fronteira e promover o desenvolvimento dos municípios da área por meio de sua estruturação física, social e produtiva.

A ênfase na ativação das potencialidades locais e na articulação com os países da faixa de fronteira também estão no foco do programa. O propósito é o de implantar iniciativas que respeitem a diversidade da região observando as diretrizes da política nacional de desenvolvimento regional. Fábio Branco, acompanhado pelo coordenador do Núcleo/RS, recebeu Lélio Luzardi Falcão, presidente da Força Verde, que propôs a participação da SDECT na próxima edição da Conferência Internacional Bioma Pampa.

Fonte: AGDI