Gestão de empresas de base mineral em debate

O Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), em parceria com a Mineropar, o 4º Seminário Nacional de APLs de Base Mineral: Gestão e Desenvolvimento Sustentável. O evento, que ocorre entre amanhã e sexta-feira, tem como objetivo disseminar e estimular boas práticas de gestão, inovação e promoção de desenvolvimento sustentável nas micro, pequenas e médias empresas, inseridas em aglomerações e arranjos produtivos locais (APLs) de base mineral.

O evento vai abordar temas como ações do governo federal para a política mineral no Brasil, gestão e desenvolvimento sustentável. Segundo a Mineropar, o Paraná é grande produtor de minerais não metálicos, como calcário, granito, talco, areia, dolomita, argila, basalto, xisto e água mineral. Existem cerca de 2,1 mil empresas em todo o Estado que empregam em torno de 20,7 mil pessoas, mas a maior concentração de indústrias é na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), com a produção de cal e calcário.

As vendas do setor representaram 1,65% das vendas industriais do Estado em 2005. O Paraná produz 10% do cimento brasileiro, sendo 80% em Rio Branco do Sul e 20% em Balsa Nova. Com relação às rochas calcárias, o Paraná concentra 9% das reservas nacionais (4,5 bilhões de toneladas) e é o terceiro maior produtor nacional de calcário (8,37%). As indústrias de cal e calcário da RMC estão organizadas em APL desde outubro de 2004. O APL é caracterizado pela concentração de empresas de um mesmo segmento ou de atividades complementares que mantêm algum tipo de cooperação.

Segundo dados do Departamento Nacional de Produção Mineral, entre 2003 e 2004, a produção mineral do Paraná cresceu de 20,51 para 21,79 milhões de toneladas, volume inferior apenas aos registrados em 1998 e 2002. Em 2004, o total da produção comercializada no Paraná foi de mais de R$ 439 milhões.

Servico - A programação do 4º Seminário Nacional de APLs de Base Mineral está disponível no site www.ibqp.org.br/cursos/apl.htm, onde os interessados também podem fazer a inscrição. O Seminário será no auditório Caio Amaral Gruber, no Cietep (Av. Comendador Franco, nº. 1341, em Curitiba).

Fonte: Folha de Londrina